William Mendonça
POESIA, PROSA, MÚSICA E TEATRO
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


STELLA ADLER
A formadora de grandes atores


   Grandes atores do teatro e do cinema americanos – como Marlon Brando, Robert De Niro, Warren Beaty, Harvey Keitel e Melanie Griffith – têm em comum, na sua carreira, a formação que receberam no Stella Adler Conservatory, em Nova Iorque, um verdadeiro celeiro de talentos. Fundado em 1949 pela atriz e professora Stella Adler para difundir o chamado Método de Interpretação de Stanislaviski (de quem Stella foi aluna), o curso tornou-se referência nos EUA, em paralelo ao Actors Studio, de Lee Strasberg.
   Stella Adler é uma figura ímpar nas artes cênicas do século XX. Primeiro, porque foi a primeira mulher a se destacar como formadora de atores e teórica da técnica teatral. Segundo, por se manter fiel às suas origens judaicas (ela era filha de um casal de atores que fundou a Companhia Independente de Arte Ídiche, da qual Stela participou até 1961). E, em último, por ter participado ativamente da divulgação do Método de Stanislaviski nos EUA, sendo parte de uma dissidência que, segundo ela, era mais fiel às propostas do diretor russo.
   Nascida em 10 de fevereiro de 1901, em Nova Iorque, Stella Adler começou a carreira de atriz aos quatro anos, na companhia judaica formada pelos pais. Em 1922 fez sua primeira apresentação na Broadway, época em que atuava em vaudevilles. Durante a primeira excursão de Stanislaviski com seu Teatro de Arte de Moscou aos EUA, em 1922/23, Stella decidiu seguir a linha daquele novo teatro. Em 1925, juntou-se ao American Laboratory Theatre School – onde foi aluna de dois ex-colaboradores de Stanislaviski, Richard Boleslavski Maria Ouspenskaya.
   Entre 1931 e 1937, fez parte do Group Theatre, ao lado de seu futuro marido, Harold Clurman, além de Lee Strasberg e Cheryl Crawford – sua fase de maior sucesso como atriz, quando também dirigiu espetáculos. Trabalhou, ainda, como produtora de cinema, na MGM. Em 1934, viajou a Paris para estudar com o próprio Stanislaviski que, nesta época, havia revisado suas teorias, dando mais ênfase à imaginação do ator do que à memória emotiva na composição dos personagens.
   Essa foi a diferença fundamental entre a técnica ensinada por Stella Adler no seu Conservatory e a de Lee Strasberg no Actors Studio. Stella Adler também ensinou teatro na Universidade de Yale e chegou a participar do Erwin Piscator Dramatic Workshop. Seu livro “Técnica da Representação Teatral”, lançado no Brasil em 2002, tem prefácio de Marlon Brando, e é leitura fundamental. Stella Adler morreu em 21 de dezembro de 1992, em Hollywood.


(Parte da coletânea GENTE DE TEATRO, de William Mendonça. Direitos reservados.)
William Mendonça
Enviado por William Mendonça em 12/08/2011
Alterado em 01/09/2011
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários